O que o bebê faz um dia antes de nascer?

Ser mãe é um sonho para muitas mulheres e a gravidez pode ser uma fase especial para elas. Algumas mulheres conseguem engravidar logo que decidem que estão prontas para ter um filho. Contudo, outras só conseguem depois de algum tempo e de algumas tentativas. Mas o que elas têm em comum são as transformações, alegrias e dificuldades, que acontecem com seus corpos.

Os sintomas da gravidez podem vir antes da menstruação atrasada, mas por serem bastante sutis, somente aquelas mulheres com muita consciência do seu corpo podem chegar a percebê-los. Em seu período total, a gravidez dura até 40 semanas.

Como os médicos não podem dizer com certeza quando o bebê foi gerado, a primeira semana de gravidez é considerada o primeiro dia do último ciclo menstrual. Depois disso, durante nove meses mais ou menos a mulher passa por uma série de transformações. O embrião começa a se desenvolver quando o óvulo é dividido em múltiplas células. Depois de oito semanas, o embrião pode ser chamado de feto e começa a ter uma forma humana que estará em desenvolvimento até o momento dele nascer.

Desde o momento que confirmam a gravidez, as mães aprendem muito sobre esse período e sobre o parto. São ensinadas tudo que devem fazer durante a gravidez e o que esperar quando seus filhos chegarem ao mundo. Mas enquanto as mães estão tendo contrações dolorosas, vontade de ir ao banheiro todo tempo, dor nas costas e vários outros sintomas quando estão perto de dar à luz, o que será que está acontecendo com o bebê? Como ele se comporta durante esse momento tão especial?

Preparação

Assim como as mães, os bebês também têm que se prepararem antes de nascer. A primeira coisa é a caída do ventre. Ela pode acontecer semanas antes do parto ou até mesmo no dia. Isso acontece porque o bebê está se posicionando, com a cabeça virada para a pélvis da sua mãe, já se preparando para sair. E por ser um lugar estreito, o bebê irá querer se alongar, o que pode fazer com que a mãe tenha azia e dificuldades de andar.

Quando o bebê já está acomodado na pélvis, ele começa a fazer movimentos com a cabeça. Esses movimentos ajudam a dilatar o colo do útero. Coisa que é essencial para que o canal do parto se abra. Por mais que o bebê não esteja consciente disso, ele está fazendo todo o trabalho.

Uma coisa que muitos podem não saber é que, entre uma contração e outra, o bebê está praticando a respiração. E ele já pratica esse respirar desde a 32ª semana da gestação. Além disso, o bebê também vira um pouco, para tentar achar a melhor forma de sair.

E antes de sair para conhecer seus pais e todo o mundo fora da barriga da mãe, o bebê já consegue ouvir tudo, até porque suas orelhas já estão desenvolvidas. E ele também é capaz de distinguir vozes. Por causa disso, é que alguns bebês conseguem identificar a voz da sua mãe desde o começo.

Fonte: Fatos

Comentários

Comentários

Sobre o autor

Vida em Equilíbrio

Vida em Equilíbrio

Para viver bem, é necessário ter a saúde corporal e mental em equilíbrio. Nossa intenção é proporcionar todo o conteúdo que irá lhe ajudar a ter uma vida mais saudável.